Policial da Força Tática de Barra do Garças morre após ser baleado por ladrões

G1 MT - 15/06/2017 14h52 - Atualizado em 15/06/2017 14h52

Vanilson Silva Carvalho entrou para a PM de Mato Grosso em 2011; ele atuava na Força Tática em Barra do Garças (Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Divulgação) Vanilson Silva Carvalho entrou para a PM de Mato Grosso em 2011; ele atuava na Força Tática em Barra do Garças (Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Divulgação)

Um soldado da Polícia Militar morreu na manhã desta quinta-feira (15) enquanto estava internado no Pronto Socorro de Barra do Garças, a 518 km de Cuiabá. Segundo a PM Vanilson Silva Carvalho, de 27 anos, estava de folga e reagiu a uma tentativa de assalto em Aragarças, Goiás, cidade vizinha a Barra do Garças. Ele atirou em dois assaltantes e um dos suspeitos morreu no confronto. O policial atuava na Força Tática do 5º Comando Regional em Barra do Garças.

De acordo com a PM, a tentativa de assalto ocorreu na noite de quarta-feira (14) em Aragarças, onde Vanilson morava. O soldado foi surpreendido por dois assaltantes e reagiu, acertando os dois criminosos. Um dos suspeitos morreu no local e o outro foi socorrido para o hospital municipal de Aragarças, onde não corre risco de morte.

Em contrapartida, o soldado, por causa do tiroteio, acabou atingido por quatro tiros: na perna, no tórax, na cabeça e um último de raspão. Ainda na noite de quarta-feira, quando foi socorrido ao Pronto Socorro de Barra do Garças, os médicos informaram que o estado de saúde do soldado era gravíssima. Vanilson teve uma bala alojada na cabeça e não estava em condições de ser transferido.

Durante o tempo que ficou internado no hospital, o soldado ainda passou por alguns procedimentos, como drenagem de líquido do pulmão. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu durante a manhã.

O corpo do policial foi encaminhado para uma funerária. Conforme a PM, o velório deve começar ainda nesta quinta-feira no auditório da sede do 2º batalhão da PM em Barra do Garças. Vanilson deixou os pais e a namorada, que também é policial militar. Ele ingressou na corporação em fevereiro de 2011.



Envie seu Comentário