27/05/2013 06h08 - Atualizado em 27/05/2013 06h08

‘Golpe da lista telefônica’ ainda faz vítimas em Nova Mutum

Comerciante atualizam cadastro e são cobrados indevidamente.

Por: Tiago Franz - Agencia Folk
 
 
Presidente da CDL alerta para comerciantes não caírem no golpe.

Desde 2011 a Associação Comercial e Empresarial de Nova Mutum e Câmara de Dirigentes Lojistas (Acenm/CDL) tem alertado os empresários para um golpe comum em todo o Brasil, que já fez muitas vítimas no município. Esta semana a entidade foi comunicada por empresários locais da ocorrência de novos casos do famoso “golpe da lista telefônica” em Nova Mutum. Diante disso, a Acenm/CDL reforça o alerta a todo o empresariado para que instruam seus funcionários e assim evitem cair na fraude.

O golpe mais comum é aplicado da seguinte maneira: um funcionário da empresa atende o telefone e, do outro lado da linha, alguém solicita a confirmação de dados da empresa para “atualização da lista telefônica”. Mas qual lista? Muitas vezes não existe lista. Contudo, dias após a ligação a empresa recebe uma correspondência com uma notificação de cobrança em valores que podem chegar a R$ 1,5 mil.

Esse é um famoso golpe de estelionato que tem prejudicado empresários de todo o país já há alguns anos. Em Nova Mutum, muitos já foram vitimados. Em 2011, um empresário local procurou a Acenm/CDL para relatar o seu caso. Ele recebeu uma cobrança de cerca de R$ 800 após sua empresa receber, no mês de agosto, uma ligação bastante estranha. O identificador de chamadas revelou o DDD 011, de São Paulo.

Pelo telefone, os golpistas dizem a funcionários que precisam apenas atualizar os dados da empresa, como CNPJ e Razão Social. Se questionados sobre a lista em questão, respondem algo do tipo “é a lista com a qual vocês já trabalham” ou então citam a Listel, TeleListas ou outras marcas conhecidas.

Após receber a cobrança, o empresário vitimado retornou a ligação para o número identificado. Uma pessoa instruída atendeu ao telefone, se apresentou como advogado e usou de muita lábia e persuasão para rebater os questionamentos e justificar a cobrança.

O caso relatado acima tem sido o mais corriqueiro em Nova Mutum, mas o “golpe da lista telefônica” também é aplicado de diversas outras maneiras. Mais de 30 empresas com práticas suspeitas já foram identificadas no país.

EVITE TRANSTORNOS

Não forneça os dados da empresa tais como CNPJ e Razão Social;

Instrua os funcionários da empresa;

Anunciantes de listas telefônicas sempre devem verificar se a empresa existe mesmo, entrar em contato novamente, confirmar os dados e os valores;

Empresas idôneas oferecem serviços sem pedir dados bancários dos clientes;

É possível procurar o Procon e a polícia para saber se há reclamações anteriores;

A Associação Brasileira de Listas Telefôncias recomenda que anuciantes não confirmem dados por telefone ou paguem pelo que não foi contratado.


 

Rua Das Primaveras, 1454 w
Nova Mutum - MT - Cep: 78.450-000

Tel. (65) 9619-2229